• [vc_separator type="transparent" position="center" up="10" down="10"]

    © 2016 Matheus Graciano | Consultoria de design e marketing digital.

    [vc_separator type="transparent" position="center" up="5" down="0"]

Você está envelhecendo como se nada estivesse acontecendo

Independente de qual for o seu motivo, eu te entendo. Envelhecer não é algo legal. A gente descobre isso cedo, já na infância. De uma hora para outra, você, que aprendeu a ler “ontem”, já tem que se comportar como uma “mocinha” ou “rapaizinho”. Você queria bater aquele pique-pega, mas já está grande demais. Durante 10 anos, foi criança. Mas no jogo da vida, a gente também passa de fase.

Você entendeu que está mais velho. Pêlo cresce, corpo cresce, tudo cresce, inclusive a sua disposição. Discussões, embates, soluções mágicas, ideias novas, adolescência chega com tudo. E na mesma velocidade, mete o pé. Você envelheceu mais. Sendo bonzinho, permaneceu uns 8 anos como adolescente. Te cobram tudo. Inclusive, ser adulto. Voltar? Não dá. Pior, tem uns chefões pra derrotar. Dependendo do seu desempenho, não vai ter fase especial. A fase bônus pode ser a faculdade. mas fique tranquilo, a idade pesa mesmo.

Saiu da faculdade. Para alguns, lá se foram os momentos mais felizes da vida. Para outros, só mais uma fase, pois o melhor ainda pode estar por vir. Quilos a mais, exercícios a menos, horas de sono escassas, álcool pra relaxar, açúcar pra acalmar, sal pra saborear, fumo pra distrair, prazer, prazer, prazer! E, lembrando do Pedro Bial, nada de filtro solar. E a idade? Agora ela é usada como desculpa. Entretanto, continuar a pesar.

Mas, peraí! Algo está errado nesses novos tempos. Parece que o tempo está passando mais rápido, porém, mais devagar. Que paradoxo é esse?

Vamos ao ponto: pergunte a alguém com mais de 40 anos como é encontrar os amigos da escola, da faculdade. Para muitos, ainda um choque! Engordam, emagrecem, cabelos caem, pensamentos mudam e a simpatia já não é a mesma. Tudo isso por conta de um detalhe: o contato. Ou melhor, a falta dele.

Não entendeu? Pergunte aos seus avós o que aconteceu depois que eles se casaram com seus 20 e poucos anos de idade. Pergunte quando eles tornaram a ver seus amigos. Complicado, não é?

A internet deixou o contato tão próximo, que as pessoas parecem não mais envelhecer. Nas telas, vemos as pessoas com uma frequência tão grande, que o tempo parece não passar para ninguém. A impressão é que todo mundo mora com a gente, mesmo longe fisicamente. Nascimentos, namoros, divórcios, casamentos, trabalhos, ideias, pensamentos, opiniões, tudo tão íntimo, que a intimidade até parece real.

Portanto, se você está envelhecendo como se nada estivesse acontecendo, está no caminho certo. Chegará aos 60 com um cérebro tão novo, que até vai esquecer aquelas rugas e dores nas articulações brotadas em você.  Não deixe a idade pesar. Não ajude a idade a ter mais peso ainda. Mantenha o contato.

É fato: quem inventou esse “peso da idade” já morreu. Pesado. Meus pêsames.